Submissões abertas para o dossiê “Formação docente, diferença(s) e diversidade(s)”

11-09-2020

“Formação docente, diferença(s) e diversidade(s)” organizado por Fabio Luiz Alves de Amorim (Estácio/ES) e Maria da Conceição Silva Soares (UERJ)

 O dossiê se propõe a abrir espaço para as argumentações produzidas por pesquisadores/as de diversas correntes teóricas e diferentes instituições, problematizando a formação continuada/permanente de professores/as na perspectiva da diferença e/ou da diversidade. Reúne debates, reflexões e proposições acerca da formação de professores/as em diferentes contextos, tais como nas/com as práticas cotidianas nas/com as escolas e na cultura, nas/com os processos formais nas/com as universidades e secretarias de educação, nos/com usos das mídias, em conjunto com movimentos sociais e ONGs, entre outros espaços-tempos formativos. Busca destacar narrativas e experiências que rompam com discursos cristalizados e hegemônicos, que pensam a formação como formatação da docência e da vida, questionando a ideia de currículo único e formação única na contingência das políticas educacionais atuais. Aposta nos processos de formação continuada/permanente de professores/as como aprendizagens inventivas, movimentos inclusivos e de resistência à padronização da educação e aos mecanismos excludentes da pauta extremista e fundamentalista do neoliberalismo.